Notícia


A Câmara Municipal na Sessão Ordinária desta segunda-feira(28) prestou homenagem à Diocese de Luz pela comemoração de seu centenário.

Criada em 8 de julho de 1918, pela Bula ‘‘Romanis Pontificibus’’ do Papa Bento XV, desmembrada da Arquidiocese de Mariana e da então Diocese de Uberaba, foi instalada em 10 de abril de 1921, com a chegada e posse do 1° bispo diocesano, Dom Manoel Nunes Coelho. 
É formada por 53 paróquias e 02 regiões pastorais, distribuídas em 7 foranias, numa área de 24.990 km² e com uma população estimada em quase 470.000 habitantes, abrangendo 33 municípios. Segundo o levantamento pastoral realizado em 2018, a Diocese possui 623 comunidades eclesiais, sendo 350 urbanas e 273 rurais. O clero é formado por 93 clérigos. A presença da vida religiosa feminina na história da Diocese é muito marcante, conta com sete congregações.
A Diocese de Luz nestes 100 anos de caminhada como Igreja Diocesana oportunizou os mais diversos modos de pertença, participação e desenvolvimento da missão dos fiéis cristãos, conforme as modalidades de organização, espiritualidade e atividades pastorais próprias de cada época.